De Pá em riste!... Em todas as direcções...

.posts recentes

. Aqui estou, preguiçosa de...

. caso Casa Pia e afins...

. Portugal: Manta de Retalh...

. Lentidão

. ...

. A Padeira tirou umas féri...

. Saramago

. LISBOA

. ENCRUZILHADA

. JORNAL NACIONAL

.arquivos

. Outubro 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2007

RESPOSTA A SOUSA TAVARES

 

Miguel de Sousa Tavares escreve no seu artigo 'Portugueses' ( Expresso, 20 de Janeiro de 2007):

« Que uma grande parte dos portugueses ache que Salazar e Cunhal são dos maiores de sempre entre nós explica a razão pela qual somos actualmente o mais atrasado país da Europa.»

A minha opinião é a seguinte: Em Cunhal votaram obrigatóriamente e em peso todos os copmunistas: o partido.

Quanto à volumosa e inesperada (para a RTP) votação em Salazar, não quer dizer que os portugueses o achem verdadeiramente «Ideal», ou o  «Maior». Quer pura e simplesmente mostrar que os portugueses estão fartíssimos de apertar o cinto sem quaisquer resultados e  que estão pelos cabelos  de ver o seu esforço ir «parar» aos «bolsos» alheios, ou melhor dizendo, aos «tachos dos amiguinhos... e compadrios».

É exactamente isso que os portugueses querem dizer, ou não dá para entender??

Salazar poderá ter tido todos os defeitos e mais alguns, menos um: - o do despesismo e «Mordomias». Morreu sem um chavo. E ao que parece,  deixou por cá várias barras de ouro amontoadas. Onde estão elas?...

Os portugueses estão desacreditados. Dois dos principais partidos são os culpados. Não saimos da cepa torta. 

publicado por padeiradealjubarrota às 00:09
link do post | favorito
De Andesman a 23 de Janeiro de 2007 às 14:47
Nunca fui defensor de Salazar a quem responsabilizo por muito do nosso atraso actual com a sua política do "orgulhosamente só". Devemos reconhecer-lhe o mérito de ter pegado na governação do país num dos seus mais difíceis momentos e de ter normalizado as contas do pais. Depois agarrou-se ao poder, deixou os cofres cheios mas o país entalado. Não investiu no desenvolvimento do país e na educação, considerava que o povo português era essencialmente agrícola e por isso não necessitava de muita instrução. Como amealhou e não investiu; deixou ouro e dinheiro e muita ignorância. Tem a sua importância porque dirigiu o nosso país durante meio século.
Quanto a MST, apenas isto: não consegue ser justo com alguém de quem não gosta. Tudo do melhor
De cokas a 6 de Abril de 2007 às 12:56
de Coruja não sei a que chama de ignorância se é ter canudos e não saber fazer nada de útil à sociedade ou ter a escolaridade até á 5º classe como se chamava na época saber tirar da terra o sustento para a família termos uma cidrugia , fabricas de lanificios ,uma surifame estaleiros navais fabricas de vidro ceramica, escolas, em todos os recantos do país por menos que fossem os alunos .Que os pais os mandassem à escola isso j á é outra musica,fabricas de concervas , industrias nacionais que deichavam o dinheiro no país e não manopolios estrangeiros que têm delapidado o patrimonio nacional os oficios aprendiam-se na pratica não em teorias não haviam doutores de aviario.O descalabre do país veio com a total ignorância dos politicos .Nessa época não havia se os sem abrigo a dormirem pelas ruas nem drogados a quem se alimenta o vicío porque d á dinheiro a alguém haveria uma enchada para ganharem o pão com o suor do rosto que não faz mal a ningém etc , etc Feliz P á scoa
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
blogs SAPO

.subscrever feeds